Google+

"Meus filhos terão computadores, sim, mas antes terão livros. Sem livros, sem leitura, os nossos filhos serão incapazes de escrever - inclusive a sua própria história." Bill Gates

Compartilhe

sexta-feira, 12 de setembro de 2014

Prova no Rio compara nazistas a judeus e professor é desligado

'Quem será pior? Nazistas ou Judeus?', dizia enunciado de questão. Direção de escola afastou professor e enviou circular de retratação.


Questão de geografia fez comparação entre judeus
e nazistas (Foto: Reprodução/FIERJ)

Uma questão de uma prova de geografia do Colégio Andrews, na Zona Sul do Rio, despertou a revolta de alguns pais que consideraram o enunciado racista. Na prova, que foi distribuída aos alunos do 8º ano nesta quarta-feira (10), o tema era uma comparação sobre nazistas e judeus.

“Conforme é sabido, os judeus foram perseguidos por Hitler durante o nazismo. Atualmente um determinado povo é tido como vítima dos israelenses, tendo que viver em assentamentos controlados por Israel. Chegaram invadindo terras e assassinando... Quem será pior? Nazistas ou Judeus?”, dizia a questão.

De acordo com o diretor do Colégio Andews, Pedro Flexa Ribeiro, o professor que elaborou a prova foi afastado da escola e a direção já está em contato com a Federação Israelita do Rio (FIERJ) para manifestar a retratação que o episódio merece.

“Esse episódio revela que infelizmente a abordagem dada pelo professor não corresponde ao projeto educativo do colégio. A prova foi anulada, o professor foi desligado e a equipe da escola passou o dia de hoje e, vai passar os próximos dias, entrando em sala de aula para refletir e tentar extrair desse episódio alguma coisa consequente em termos educativos e informativos”, disse Flexa.
Circular de retratação está postada na página da escola
(Foto: Divulgação)

Compartilhe no Facebook

Related Posts with Thumbnails