Google+

"Meus filhos terão computadores, sim, mas antes terão livros. Sem livros, sem leitura, os nossos filhos serão incapazes de escrever - inclusive a sua própria história." Bill Gates

Compartilhe

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Espelho meu, existe alguém mais pecador do que eu?

Imagem: jhmedeiros
No ultimo domingo após o culto, como de costume, trocamos algumas palavras com alguns irmãos que normalmente não vemos durante a semana, a esta altura já na calcada da igreja um senhor de meia idade interrompeu nossa conversa com a seguinte expressão, em um tom de deboche: “Vocês crentes se acham todos santos e felizes, não é?”. O resultado foi que a conversa não parou por aí, e outras perguntas afirmativas, tão ébrias quanto seu próprio estado etílico, se sucediam quase sem tempo para que eu, neste momento apenas eu e o meu novo interlocutor, tivesse tempo e digerir as perguntas. Mas não vou passar da primeira expressão como vocês, mas confesso que passei toda a semana com fleches desta rápida conversa na minha mente, associando suas expressões ao comportamento que a grande maioria dos cristãos atuais possuem que o levaram a afirma em tom irônico que somos santos.

Enquanto ele falava eu pensava, não sou santo, nunca me achei santo, nem acho que as pessoas que freqüentam esta, ou qualquer outra igreja seja santo, felizes talvez. Ou melhor, acredito que sejam felizes mas estejam confundindo felicidade com a auto-satisfação imediata como única fonte de felicidade, daí vem as frustrações e, paradoxalmente, o sentimento de infelicidade em alguns. Quando Paulo, o apóstolo, diz que não há nenhuma condenação para os que estão em Cristo, leve a compreensão equivocada de que santidade se traduza como perfeição e que desta forma podemos ser aceitos por Deus, mas não foi isso que Paulo disse, pois a graça imerecida de Deus foi derramada sobre nós de modo que o castigo da lei se cumprisse sobre seu filho nos livrando da exigência da lei, ou seja, não precisamos de perfeição para que Deus nos aceite.

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Sexta de Pensamentos (25/02/2011)

“Acreditamos com facilidade no que desejamos.” - Júlio César

“Nem tudo o que se enfrenta pode ser modificado, mas nada pode ser modificado até que seja enfrentado.” - James Baldwin

“A vida é muito curta para ser pequena.” - Benjamin Disraeli

segunda-feira, 21 de fevereiro de 2011

Tatuagem gospel #FAIL

tatoo Tatuagem gospel #FAIL
Certo rapaz americano foi à igreja e ouviu que a Bíblia condena o homossexualismo. Decidido a mostrar sua convicção, decidiu tatuar o versículo de Levítico 18:22:

“Não se deite com um homem como quem se deita com uma mulher; é repugnante” (NVI).

Feliz da vida, voltou ao culto no domingo seguinte decidido a mostrar para todo mundo sua declaração de fé. Chegando na igreja, o sermão daquele dia era sobre Levítico 19:28:

“Não façam cortes em seus corpos … nem tatuagem em si mesmos” (NVI)

Fonte: PavaBlog

Os 100 + entre os filmes sobre religião

Os 100 + entre os filmes sobre religiãoUma revista de artes dos Estados Unidos organizou lista com os cem melhores filmes que abordam mais intensamente o tema da religião. O “Arts & Faith Top 100 Films” (Artes e Fé: os 100 melhores filmes), da Revista Image, é resultado de longo debate com a comunidade online especializada em cinema e fé, abrangendo a história cinematográfica desde filmes mudos até os mais contemporâneos.

A lista inclui títulos como “The Passion of Joan of Arc” (A paixão de Joana D’Arc), “The Decalogue” (O Decálogo), “Jesus Of Montreal” (Jesus de Montreal), “The Gospel According to Matthew” (O Evangelho Segundo Mateus), “The Mirror” (O Espelho), “The Apostle” (O Apóstolo), “The Diary of a Country Priest” (O Diário de um Padre), “The Miracle Maker” (O Milagreiro), “Paths of Glory” (Caminhos de Glória), “Paprika”, “Chariots of Fire” (Carruagens de Fogo), “Touch of Evil” (Toque do Mal), “It’s a Wonderful Life” (Felicidade não se compra), “Schindler’s List” (Lista de Schindler), “Apocalypse Now”, entre outros.


Fonte: CPADNews
 

sábado, 19 de fevereiro de 2011

Coisas que fazem mal quando você faz o bem


malbem1 Coisas que fazem mal quando você faz o bemCaio Fábio
As afirmações abaixo são verdadeiras.
Se você gosta de evitar fazer o mal, não leia.
Caso você deseje fazer o mal, leia.
Se você é bom, leia com atenção. Pode ser que você mude de ideia acerca de você mesmo.
Havendo dúvida, leia assim mesmo.
Havendo certeza, não perca seu tempo. Leia outra coisa.
Não havendo nada para fazer, faça o bem.
Se você não sabe o que é bom, olhe no espelho, abra a janela, beba água, ande, coma, beba, ame, e não se sinta culpado por gostar dessas banalidades. Faz bem!
Preparado? Não fique ansioso demais. Não há nada maravilhoso e nem tampouco novo sendo escrito aqui.
 Leia então:
 1. É mal fazer o bem para todo aquele que é mau. Ele o odiará pela maldade de seu bem.
2. É mal pensar o bem acerca de quem só concebe o mal. Ele usará você sem escrúpulos.
3. É mal desejar que o bem aconteça a quem o inveje por você ser bom. Ele o julgará superior e o invejará com todo ódio.
4. É mal realizar o bem a quem tem complexo de inferioridade em relação a você. Ele crerá que você o está humilhando.
5. É mal não fazer nada de mal a quem só deseja o mal a você. Ele não aguentará a sua não-resposta às provocações.
6. É mal ajudar o covarde quando ele está em desvantagem. Ele pensará que você é cúmplice.
7. É mal fazer o bem aos que tudo vêem como impuro. Sua bondade será interpretada como frouxidão.
8. É mal fazer o bem aos que o adulam. Eles pensarão que sua bondade é pagamento e tentarão ampliar os negócios com sua alma.
9. É mal fazer o bem a quem não ama. Ele nunca acreditará em você.
10. É mal fazer o bem a quem cobiça. Ele desejará seu bem a serviço dos interesses dele.

Bem, já que é assim, dê uma surra de bondade no mundo!
Transgrida esses princípios sempre. Será para o seu Bem. Espero que você seja incorrigível.
Seja esse pecador. Peque esse pecado. Sofra desse mal. Você está condenado!

Graças a Deus!

fonte: site do Caio Fábio

Vi no Pavablog

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Sexta de Pensamentos (18/02/2011)

"A vida é maravilhosa se não se tem medo dela." - Charles Chaplin

"Podemos facilmente perdoar uma criança que tem medo do escuro; a real tragédia da vida é quando os homens têm medo da luz." - Platão

"Passei a vida tentando corrigir os erros que cometi na minha ânsia de acertar." - Clarice Lispector

Maldade?


#Com quem? :))

Fonte: Humor de Hoje

JESUS NÃO SABE FALAR DE JESUS: PENSAM OS RELIGIOSOS!





 
Uma das coisas que mais me chocaram quando comecei a ler os evangelhos tinha a ver com o fato de que Jesus parecia deixar muitas oportunidades de se explicar em aberto. Dava a impressão que Ele não fazia questão de explicar muito.

De fato, Ele apenas afirmava ou então simplesmente se retirava. Ou ainda, quando queria tornar a compreensão “mais fácil”, falava por parábolas. Nesse tempo, eu lia os evangelhos “torcendo” por Jesus! Depois comecei a ler livros teológicos, alguns meses após fazer as primeiras leituras dos evangelhos — descobri que era tarefa dos teólogos e apologetas explicarem essas coisas que nem Jesus e nem os escritores dos evangelhos se ocuparam em explicar.

Nessa época foi que descobri que para um evangélico “evangelizar” alguém, melhor do que qualquer coisa — não se podendo levar a pessoa “a ser ganha” até ao culto para ouvir “a palavra de Deus” — seria dar à pessoa, como presente, um bom livro. Pareceu-me que seria sempre melhor ler um livro que “explique bem as coisas”, do que apenas presentear alguém com os evangelhos. Sim, depois dos teólogos e dos apologetas, parece que Jesus ficou mais bem explicado por outros. Até melhor do que por Ele mesmo.

De fato, a sensação que dá é a de que Jesus não sabia falar de Jesus. Por isto é que nós temos que ajudá-Lo a se fazer entender. Daí também vem a idéia de que a apresentação de Jesus tem hora marcada e precisa ser feita por um profissional da apresentação pública de Jesus: o evangelista. Ou mesmo depois que este saiu de moda, pelo avivalista; e agora pelo showman de Jesus. Sim, porque do ponto de vista da religião, Jesus não explica Jesus bem! Além disso, essa falta de explicação de Jesus acerca de muitas coisas que julgamos serem importantíssimas acaba por justificar a existência das doutrinas da igreja.

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Carta abertas as igrejas

ARTICLE OpenLetter Carta Aberta às igrejas do país

[Depois de anos servindo como missionária na França,  Mentanna Campbell voltou recentemente para seu país. Ela começou a procurar uma igreja para congregar. Como não conseguiu, escreveu esta carta.]

Caros membros das igrejas,
Estou procurando uma igreja. Já sou crente, então posso dizer que sou uma “presa fácil”. Vocês não precisam me convencer que Deus existe ou que é importante ir à igreja regularmente. Faço parte daquele percentual estimado de 20% dos membros que se envolvem  ativamente e estou disposta a servir usando meus dons. Realmente quero encontrar uma igreja (e logo), mas confesso que essa busca tem sido mais difícil do que esperava.

Vejo tantas coisas que me fazem querer virar as costas e voltar para minha casa. Ah, sei que nenhuma igreja é perfeita. Não estou procurando por isso. Porém, tenho ficado surpresa ao ver como é difícil ser visitante, e me pergunto se vocês realmente lembram o que sente alguém nessa condição. Portanto, esta carta é só para os ajudarem a entender um pouco do que tenho experimentado enquanto vou de uma igreja para a outra.
 
Sei que as pessoas que estão na igreja há um longo tempo esqueceram como é difícil este processo de busca. Então, parem por um momento e me escutem. Acho que poderia dar algumas sugestões úteis para a sua igreja.

Por favor, não criem um espaço para recepção de visitantes e depois ignorem as pessoas novas quando elas aparecem. Escolha sabiamente as pessoas que vão fazer parte disso. Sei que é fácil falarmos com alguém que já conhecemos, mas realmente acho que os “recepcionistas” deveriam estar disponíveis e prontos para ajudar qualquer pessoa que aparecer para o culto e fizer perguntas.

Quer dizer, fico feliz de escutar sobre o exame de sua filha para tirar carteira de motorista durante alguns minutos, mas depois fico um pouco inquieta. Nós, os visitantes, já chegamos um pouco desconfiados, por isso não me faça esperar muito tempo para depois tentar descobrir onde fica a porta para o santuário ou saber se o café que vocês oferecem é de graça, ou não.

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

População Evangélica no Brasil Atingirá 57,4 milhões em 2011

Missionário da SEPAL fez a projeção da população evangélica de 57,4 milhões para este ano de 2011 e 109,3 milhões para 2020, e diz que as razões para o grande crescimento não se trata de avivamento.
igrejas brasileiras-christian-post 
Luis André Bruneto, um dos pesquisadores da SEPAL, Missão Internacional Servindo aos Pastores e Líderes que realiza estudos teológicos, falou ao The Christian Post sobre as projeções da população evangélica para os próximos anos e as possíveis razões que explicam fenômeno do rápido crescimento da população evangélica no Brasil.
A SEPAL realizou um estudo ano passado, baseado nos dados do Censo do IBGE de 2000 e da pesquisa realizada pelo Instituto Datafolha em março de 2007, encontrando que em 2020 a população evangélica representará mais de 50% da população brasileira.

“Projetamos uma porcentagem de cerca de 52,2% da população evangélica em 2020, ou seja, aproximadamente 109,3 milhões de evangélicos para uma população de 209,3 milhões,” afirmou Luis.
A projeção baseia-se na taxa de crescimento obtida entre os anos de 1990 e 2000 e na premissa de que a taxa de crescimento dessa religião continue a mesma dos últimos 40 anos. A confiabilidade dos dados é de 95%, afirmou Luis.

A melhor forma genética, biológica e anatômica para emagrecer

Assista e confira:


Siga a dica e ganhe um corpo "eclético"!!!

Dica: Gilberto Veloso

Movimentos carismáticos freiam debandada

As missas da paróquia de Nossa Senhora Mãe da Igreja atraem milhares de fiéis na Vila Paris, em Belo Horizonte, onde padre Danilo Mamede Campos Rodrigues aderiu há 25 anos à Renovação Carismática Católica (RCC). São missas de cura e libertação, com intensa participação de homens, mulheres e crianças, que cantam e agitam os braços com entusiasmo, voz forte e rosto alegre, no mesmo estilo das celebrações de padre Marcelo Rossi e da Canção Nova, cujos santuários e programas de televisão são demonstrações de fé e devoção. O segredo é o acolhimento com que recebe os participantes, centenas deles vindos de longe, em busca de graças e milagres.

"Aposto na fé dos leigos", disse o padre Danilo, satisfeito com o sucesso do trabalho de sua equipe. Também a Paróquia de Nossa Senhora Rainha, no bairro de Belvedere, o mais sofisticado de Belo Horizonte, vive sempre cheia. Seus frequentadores são moradores da vizinhança e gente de outras regiões da cidade, incluindo pobres da periferia que chegam em busca de ajuda e assistência social. "A igreja é bem administrada e oferece atendimento médico e odontológico exemplar", informa uma paroquiana, a dentista Ilka Sonara Carvalho Resende, elogiando o trabalho do pároco, padre Alexandre Fernandes de Oliveira. A igreja é confortável e acolhedora. Tem mil poltronas individuais almofadadas no interior e monitores de TV nas alas externas para quem não consegue entrar. A paróquia aceita cartões de crédito para o pagamento do dízimo, principal fonte de recursos.

Essas duas igrejas são exceções no cotidiano da prática religiosa, porque os católicos estão diminuindo. Correspondiam a 73,79% da população brasileira em 2000, mas vêm caindo, enquanto aumenta o número de evangélicos. A porcentagem de católicos, a ser confirmada pelo censo 2010 do IBGE, deve estar por volta de 65%. "A evasão de fiéis é talvez o problema mais grave que a Igreja sofre na sua consciência. Não é, mas ela se pôs como se fosse o problema mais grave. Evasão para onde? Fundamentalmente, para as igrejas pentecostais e neopentecostais", analisa padre João Batista Libânio, professor da Faculdade de Teologia dos Jesuítas, em Belo Horizonte.

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Lugar Cristão: Rede Social para cristãos

Rede social para cristãos e evangélicos
Lugar Cristão: Nova rede social para evangélicos


A rede social Lugar Cristão  surge com o objetivo de reunir conteúdo relevante para cristãos através da internet. O projeto é independente e não tem vínculo com Igreja ou qualquer outro tipo de instituição religiosa, tendo como seu principal objetivo defender a Palavra de Deus.

As informações são direcionadas ao público evangélico, e através do portal são divulgadas notícias de interesse cristãos, republicadas ou produzidas com o intuito de informar os leitores. Fazem parte do portal religioso estudos bíblicos, vídeos e letras de música gospel entre outros conteúdos religiosos. O portal ainda conta com uma Bíblia Online.

Fazendo o cadastro é possível comentar as matérias, fazer pedidos de oração, criar grupos, participar de enquetes e muito mais.


Deus… não mais do que delírio!

“E no 4,5 bilionésimo ano o homem disse:que haja deus” 
Justin Thomas

“Se 5 bilhões de pessoas acreditam em uma coisa estúpida, essa coisa continua sendo estúpida.” 
Anatole France

“Governar acorrentando a mente através do medo da punição é tão baixo quanto usar a força” 
Hipácia

“Afirmar que “deus fez isso” não é nada mais do que uma admissão de ignorância vestida enganadoramente como uma explicação” 
Peter Atkings

“A bíblia prova a existência de deus tanto quanto o gibi a do super homem”
(desconheço o autor)

“Não sou ovelha para ter pastor nem escravo para ter senhor”
(desconheço o autor)

“Deus, um delírio” é um livro do emérito cientista Richard Dawkins que em muito me ajudou a compreender o que eu, como tantas pessoas, já desconfiavam: a inexistência de qualquer espécie de deus, não importando as características a ele atribuídas. Deus finalmente foi recolocado em seu lugar de origem, a saber, rente às fadas, aos espíritos, aos fantasmas, aos papais-noeis e similares.

Como a grande maioria das pessoas, eu herdei a tradição de se acreditar na existência de um deus. Sem ousar contestar, sem ousar fazer perguntas, como se fosse mesmo uma ditadura, onde não se pode apontar o dedo para o ditador sem que sua vida corra perigo. Já não bastando essa ignorância dos conhecidos, ainda havia aquele apavorante mito do inferno… Quantos sabem que essa besteira sequer foi concebida por cristãos? Antes de existir o primeiro seguidor de Jesus na Terra, povos tão ou mais inteligentes, criativos, já haviam elaborado esse local para onde as almas iriam passar a eternidade, em sofrimento, é claro. Eu como boa católica, de família católica praticante, fui batizada, freqüentei aulas de preparação, fiz a primeira eucaristia, ia a todas as missas ou cultos dominicais, estava na primeira fila, aliás… Com todo meu coração fazia meus louvores a deus, com todo aquele fervor que você, leitor, também faz, afinal, deus estava me ouvindo, onisciente, estava em todos os lugares, e eu obedecia e temia…

Sorteio no #ClubeDaLeitura. Participe!!!

<< PROMOÇÃO CANCELADA POR FALTA DE QUÓRUM >> 

CONFIRA ESTA AQUI.

Sortearemos um exemplar deste livro quando atingirmos 20 participantes no Clube da Leitura.
Confira o Ranking 2011, se você já leu algum livro este ano com mais de 60 páginas, cadastre ele AQUI e já fique habilitado a participar do sorteio do livro.
Li e recomendo.

 



Sinopse do Livro:
Depois de toda uma vida dedicando-se à Igreja e ao caminho que sempre lhe pareceu o certo, Jake Colsen esta diante de uma dolorosa dúvida: como é possível ser cristão há tanto tempo e, ainda assim , se sentir tão vazio? Como a ajuda do novo amigo, Jake irá reavaliar os conceitos e crenças que norteavam seu caminho. Levar uma vida cristã significa ter os comportamentos aprovados pelo grupo religioso a que pertencemos?

A cada nova palavra de João, assistiremos ao renascimento de Jake em busca da verdadeira alegria e da liberdade que Cristo veio ao mundo oferecer. Na recosntrução da sua vida, percebemos a ação do Deus de perdão e amor.


sábado, 12 de fevereiro de 2011

Crise asmática de amor.

Você já viu alguém com crise de asma? De criança a adulto não é algo muito bom, a necessidade de respirar e não conseguir, o peito parece que está sendo comprimido por ônibus. O ar é essencial a vida, mas só percebemos, de fato, sua importância quando precisamos dele e temos dificuldade de encontrá-lo. Infelizmente não existe cura científica conhecida para a asma, alguns medicamentos ajudam a aliviar seus sintomas, mas não há cura.

Tenho visto cristãos desiludidos e frustrados com a igreja, vazios. Não porque querem,  mas pela necessidade de buscar um relacionamento sincero com Deus, em muitas vezes, foi que os levaram a igreja. Este primeiro amor encontra com a fé, deixa-nos eufóricos com a descoberta do verdadeiro amor de Deus, que preenche este vazio assim como o ar preenche nossos pulmões. Mas o tempo passa, e a liberdade que Jesus prometeu aos que crêem, "Se pois  o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres" [João 8.36], começa a ser substituída por uma crise asmática de amor.

Assim como o ar é essencial para nossa vida física o amor e essencial para a vida cristã, o amor é base de tudo. O próprio Deus se apresentou ao mundo como sendo um Deus de amor, João diz que aquele que não ama não conhece a Deus, porque o próprio Deus é amor [1]. A superficialidade tem dado lugar a sinceridade, o ativismo tem dado lugar a dedicação e a devoção dando lugar a aprovação. Isto é um dos sintomas da crise asmática de amor. Não somos mais motivados pelas razões corretas, e alimentamos sentimentos de conformismo, quando o evangelho é na verdade revolucionário e desafia o senso comum.

É crescente o número de conversões falsas entre adolescentes cristãos

t1larg.anne.cnn É crescente o número de conversões falsas entre adolescentes cristãos


Anne Havard de Atlanta, Geórgia, é uma adolescente americana apaixonada por sua fé cristã. Mas é uma raridade.

John Blake

Se você é pai ou mãe de um adolescente cristão, Kenda Creasy Dean faz um alerta: seu filho está seguindo uma forma mutante de cristianismo e você pode ser o responsável.

Dean afirma que cada vez mais adolescentes estão adotando o que ela chama de “deísmo moralista-terapêutico”. Tradução: uma fé enfraquecida que mostra Deus como um “terapeuta divino”, cujo principal objetivo é aumentar a auto-estima das pessoas.

almost É crescente o número de conversões falsas entre adolescentes cristãosDean é pastora, professora do Seminário Teológico de Princeton e autora de  Almost Christian, [Quase cristão]. Seu livro argumenta que muitos pais e pastores estão propagando inconscientemente essa forma egoísta de cristianismo. Ela afirma que essa fé “impostora” é uma razão pela qual os adolescentes abandonam as igrejas.

“Se este é o Deus que eles estão vendo na igreja, então estão certos em querer nos abandonar”, diz Dean. “As igrejas não dão motivos suficientes para eles se sentirem motivados.”

Características comuns dos jovens apaixonados pelo que fazem
Dean tirou suas conclusões no que ela chama de um dos verões mais deprimentes de sua vida. Ela entrevistou adolescentes sobre sua fé depois de ajudar a realizar uma pesquisa para o controverso “Estudo Nacional da Juventude e Religião”.

Este estudo, que incluiu entrevistas feitas em profundidade com pelo menos 3.300 adolescentes americanos entre 13 e 17 anos, concluiu que a maioria dos adolescentes que afirmavam ser cristãos eram indiferentes sobre sua fé e não se envolviam com ela.

O estudo incluiu cristãos de todas as classes – desde católicos até evangélicos, de denominações conservadoras e também das mais liberais. Os números finais indicam que embora 3 em cada 4 adolescentes americanos (75%) se declarem cristãos, menos da metade pratica sua fé,  apenas metade a considera importante e a maioria não consegue falar de maneira coerente sobre suas crenças.

Muitos adolescentes pensam que Deus quer apenas que eles se sintam bem e que façam o bem – algo que os pesquisadores chamaram de “deísmo moralista-terapêutico”.

sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Faça a vida valer a pena!

video

Dica: Gilberto Veloso

Sexta de Pensamentos (11/02/2011)

"Sejamos senhores de nossa lingua, para não sermos escravos de nossas palavras."

"Quem ama não vê defeitos... Quem odeia não vê qualidades... E quem é amigo vê as duas coisas!"

"DEUS lhe dá um presente de 86.400 segundos todos os dias. Você usa um para dizer obrigado?" - William Arthur Ward

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

O estupro corretivo

vitima estupro corretivo"O estupro corretivo”, a prática cruel de estuprar lésbicas para "curar” sua homossexualidade, está se tornando uma crise na África do Sul. Porém, ativistas corajosas estão apelando ao mundo para pôr fim a estes crimes monstruosos. O governo sul africando finalmente está respondendo - vamos apoiá-las.  Millicent Gaika foi atada, estrangulada, torturada e estuprada durante 5 horas por um homem que dizia estar "curando-a” do lesbianismo. Por pouco não sobrevive. Infelizmente Millicent não é a única, este crime horrendo é recorrente na África do Sul, onde lésbicas vivem aterrorizadas com ameaças de ataques. O mais triste é que jamais alguém foi condenado por "estupro corretivo”.
De forma surpreendente, de um abrigo secreto na Cidade do Cabo, algumas ativistas corajosas estão arriscando as suas vidas para garantir que o caso da Millicent sirva para suscitar mudanças. O apelo lançado ao Ministério da Justiça teve forte repercussão, ultrapassando 140.000 assinaturas e forçando-o a responder ao caso em televisão nacional. Porém, o Ministro ainda não respondeu às demandas por ações concretas.

Vamos expor este horror em todos os cantos do mundo -- se um grande número de pessoas aderirem, conseguiremos amplificar e escalar esta campanha, levando-a diretamente ao Presidente Zuma, autoridade máxima na garantia dos direitos constitucionais. Vamos exigir de Zuma e do Ministro da Justiça que condenem publicamente o "estupro corretivo”, criminalizando crimes de homofobia e garantindo a implementação imediata de educação pública e proteção para os sobreviventes. Assine a petição agora e compartilhe -- nós a entregaremos ao governo da África do Sul com os nossos parceiros na Cidade do Cabo:


No Éden...


Vi no PavaBlog

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Anjos caídos

Por Marcos Stefano

Avanço das drogas na sociedade bate à porta da igreja e jovens evangélicos já fazem parte de estatísticas do vício.
Anjos caídosTudo começou com um punhado de anfetaminas e o desejo desenfreado de vencer no ciclismo. Mas logo vieram o ecstasy, a cocaína, o crack, as brigas com a família e os roubos para manter o vício que acabara de se instalar. A cada capítulo, o drama vivido por Danilo Gouveia, personagem interpretado pelo ator Cauã Reymond na novela Passione, da Rede Globo, mexe com os telespectadores e choca a sociedade com a dura realidade das drogas. Não é o primeiro sucesso do showbiz macional em cima do assunto. Há pouco tempo, o longa Meu nome não é Johnny, baseado no livro do jornalista Guilherme Fiuza, ganhou as telas dos cinemas ao revelar as desventuras de João Guilherme Estrella, um jovem que tinha tudo na vida, menos limites, pelo mundo das drogas. Em comum, histórias como as de Gouveia e Estrella alertam dramaticamente que ninguém está livre desse perigo – nem mesmo aqueles que estão aparentemente nas situações mais seguras, aos olhos dos homens. Johnnatan Wagner Richele Guardian, hoje com 25 anos, sabe muito bem o que isso significa. Nascido numa família de pastores, Johnnatan cresceu dentro de uma congregação da Igreja do Evangelho Quadrangular, numa pacata cidade do interior das Minas Gerais. Na adolescência, envolveu-se com o grupo de mocidade e começou a tocar nos cultos. Tinha talento e um futuro promissor. Mas trocou tudo pela bebida e pela droga. A ponto de terminar traficando cocaína e crack nas ruas da cidade de São Paulo. Tornara-se um dependente.

Para quem observa hoje o trabalho e o envolvimento do obreiro Johnnatan com a juventude da Igreja Internacional da Graça de Deus, onde se prepara para o pastorado, é até difícil imaginar o que pode ter acontecido para um moço aparentemente tão fervoroso espiritualmente ter se esfriado tanto. “As pessoas sempre me viam nos cultos, mas não sabiam o que se passava comigo”, conta. Repetindo o que acontece com tantoa garotos que crescem numa aparente segurança espiritual dentro das igrejas, ele estava longe da fé fervorosa da avó, que sempre o levava aos cultos. “Eu achava tudo muito careta e, influenciado por alguns amigos, pensava que ser crente era viver escondido atrás de uma Bíblia”. Aos 19 anos, o rapaz deixou a igreja. Com a “ajuda” daqueles mesmos amigos, começou a beber. Dali para as drogas, foi um passo.

Deus nos livre de um Brasil evangélico

Por Ricardo Gondim

Começo este texto com uns 15 anos de atraso. Eu explico. Nos tempos em que outdoors eram permitidos em São Paulo, alguém pagou uma fortuna para espalhar vários deles, em avenidas, com a mensagem: “São Paulo é do Senhor Jesus. Povo de Deus, declare isso”.

Rumino o recado desde então. Represei qualquer reação, mas hoje, por algum motivo, abriu-se uma fresta em uma comporta de minha alma. Preciso escrever sobre o meu pavor de ver o Brasil tornar-se evangélico. A mensagem subliminar da grande placa, para quem conhece a cultura do movimento, era de que os evangélicos sonham com o dia quando a cidade, o estado, o país se converterem em massa e a terra dos tupiniquins virar num país legitimamente evangélico.

Quando afirmo que o sonho é que impere o movimento evangélico, não me refiro ao cristianismo, mas a esse subgrupo do cristianismo e do protestantismo conhecido como Movimento Evangélico. E a esse movimento não interessa que haja um veloz crescimento entre católicos ou que ortodoxos se alastrem. Para “ser do Senhor Jesus”, o Brasil tem que virar "crente", com a cara dos evangélicos. (acabo de bater três vezes na madeira).

Avanços numéricos de evangélicos em algumas áreas já dão uma boa ideia de como seria desastroso se acontecesse essa tal levedação radical do Brasil. Imagino uma Genebra brasileira e tremo. Sei de grupos que anseiam por um puritanismo moreno. Mas, como os novos puritanos tratariam Ney Matogrosso, Caetano Veloso, Maria Gadu? Não gosto de pensar no destino de poesias sensuais como “Carinhoso” do Pixinguinha ou “Tatuagem” do Chico. Será que prevaleceriam as paupérrimas poesias do cancioneiro gospel? As rádios tocariam sem parar “Vou buscar o que é meu”, “Rompendo em Fé”?

segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

Crack, nem pensar!

video

Não apenas o crack, mas toda e qualquer droga tem o poder de destruir vidas e famílias. Observe e cuide daqueles que você ama.

Dica do vídeo: Gilberto Veloso (p/ e-mail)

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

Vamos nos conectar as pessoas...

Fiquei na dúvida se postava este vídeo aqui ou no Bússola Tec, mas mesmo acho fala mais sobre pessoas do que sobre tecnologia. Confira!

video

Dica: Gilberto Veloso

Sexta de Pensamentos (4/02/2011)

"O tempo é capaz de transformar tudo." - Provérbio judaico
 
"Uma das grandes virtudes do homem é saber tolerar."

"Aquele que come sozinho, morre sozinho."

Compartilhe no Facebook

Related Posts with Thumbnails